ABORDARGEM CONSERVADORA PARA REDUÇÃO DE FRATURAS NASAIS E INSTALAÇÃO DE TAMPÃO HIGIÊNICO: Relato de caso

Mateus Barros Cavalcante, Caroline Brigida Sa Rocha, Caio Pimenteira Uchôa, Emanuel Dias de Oliveira e Silva, Iale Marcielle Pereira Marcelino

Resumo


Fraturas dos ossos próprios nasais (OPN) contabilizam 39 à 50% de todas as fraturas faciais, devido à posição proeminente que o nariz apresenta e à constituição relativamente fina dos ossos nasais. O diagnóstico é clínico, mas pode ser auxiliado por radiografias ou tomografias computadorizadas. Pode ser feito imediatamente na hora do trauma ou de forma tardia. A maioria das lesões é tratada com reposicionamento ósseo com a ajuda do fórceps de Walsham ou Asche. Paciente gênero masculino 18 anos de idade, vítima de agressão física apresentou-se ao Hospital da Restauração com discreto edema e desvio em região nasal. Ao exame de imagem, sugeriu-se sinais de fratura dos ossos próprios do nariz, foi realizado o reposicionamento de forma incruenta com anestesia local, instalação de tampão nasal anterior higiênico e acompanhamento ambulatorial. A ocorrência de traumatismos e lesões associadas à fraturas nasais reforça a importância de uma correta abordagem, visto que representa uma área estética além de ser componente da via aérea.


Palavras-chave


Fraturas Ósseas; Traumatismos Faciais; Procedimentos Cirúrgicos Reconstrutivos

Texto completo:

PDF

Refer?ncias


- Barchi MPR, Melo JAP, Silva PA. Fraturas nasais: uma opção de tratamento. Rev. cir. traumatol. buco-maxilo-fac.  [periódico na Internet]. 2012; Dez [citado  2018 Dez 16];12(4):57-60. Disponível em: http://revodonto.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1808-52102012000400010&lng=pt.

- Kim SW, Park B, Lee TG, Kim JY. Olfactory Dysfunction in Nasal Bone Fracture Arch Craniofac Surg. 2017; 18(2):92-96.

- Silva JJL, Lima AAAS,Maia RCL, Holanda JM, Filho AL. Fratura nasal: análise do perfil de 56 casos. Rev Bras Cir Craniomaxilofac. 2010; 13(3):149-52.1

- Borghese B, Calderoni DR, Passeri LA. Estudo retrospectivo da abordagem das fraturas nasais no Hospital de Cli?nicas da Unicamp. Rev. Bras. Cir. Pla?st.2011; 26(4): 608-12

- Monnazi, MS, Oliveira HC, Passeri lA, Gabrielli M F R. Manejo das fraturas nasais com manutenc?a?o das vias ae?reas superiores. Rev. Cir. Traumatol. Buco-Maxilo-fac. 2010;(10):55 60

- Silva, RBP, et al. Tratamento de fratura nasal por redução fechada: relato de caso. Arch Health Invest. 2017 6(10):464-467

- Park HK, Lee JY, Song JM , Kim TS ,Shin SH. The Retrospective Study of Closed Reduction of Nasal Bone Fracture Maxillofac Plast Reconstr Surg. 2014;36(6):266-272.

- Kyung, H, Choi JI, Song SH, Oh SH & Kang, N. Comparison of Postoperative Outcomes Between Monitored Anesthesia Care and General Anesthesia in Closed Reduction of Nasal Fracture. Journal of Craniofacial Surgery. 2017. doi:10.1097/scs.0000000000004084

- Granjeiro FVR, Junior CMJ, Andrade P. Applicability and Effectiveness of Closed Reduction of Nasal Fractures under Local Anesthesia Int Arch Otorhinolaryngol 2014;18:266271.

- Powell O, Doshi D. Towards evidence based emergency medicine: best BETs from the Manchester Royal Infirmary. BET 4: Should nasal fractures be manipulated under local anaesthesia? Emerg Med J. 2008;25(8):525-7.

- Adeyemo, A, Adeoson A, Fasunla A. Intranasal Splints: Use Of A Readily Available Material. The Internet J. of Otorhinolaryngol. 2007; (6)

- Sariguney Y, Demir Y, Kandal S, Ozmen S, Latifoglu O. Vertically Split Merocel Tampon Has Advantages in Nasal Packing. Plast Reconstr Surg. 2006 Apr15;117(5):1646-7.

- Chung SH, Park JI, Choe J, Baek SM. Clinical analysis of satisfaction of nasal bone reduction. Arch Plast Surg 1994; 21:984-90.


Apontamentos

  • N?o h? apontamentos.


Direitos autorais 2019 Revista da AcBO - ISSN 2316-7262


Para ficar por dentro de todas as
novidades da Morelli, peça já o
novo catálogo de produtos!

O futuro já chegou!
www.portodent.com.br
+55 (51) 3374-3396